Mamãe: espere por seu filho do lado de fora da sala de aula!

Estamos iniciando mais um ano de atividades no Programa Kids da Cia Athletica.

Este é um momento oportuno para abordarmos a importância dos pais ou responsáveis permanecerem fora do ambiente da sala de aula durante as atividades das crianças.

Mamãe, espere fora da sala !
Mamãe, espere fora da sala !

A presença dos pais no ambiente da aula

A presença de um responsável nas duas primeiras aulas de uma criança pequena pode ser necessária.

Esta situação minimiza o desconforto causado pela falta de conhecimento do ambiente, do professor e das demais crianças.

Alguém conhecido assegura o aluno, deixando-o mais calmo para entrar em contato com o novo.

Entretanto, passadas estas aulas iniciais, é fundamental que este responsável permaneça fora da sala durante a aula.

A criança em adaptação

A adaptação pode ser entendida como um processo contínuo de mudança, crescimento, desenvolvimento e amadurecimento.

É um momento de iniciar novas relações afetivas, favorecendo a construção de um grupo social maior.

A criança deve se relacionar com seus pares tendo como referência apenas um adulto para suprir suas necessidades de afeto e proteção.

Por se tratar de um ambiente formal de aprendizagem, esta referência deve estar concentrada na figura do professor.

Desenvolvendo a autonomia na criança

Claro que entendemos o quanto é delicado o momento da separação dos pais.

Sentimentos como ansiedade e insegurança costumam acompanhar este processo, mas vale lembrar que os professores estão preparados para realizar o acolhimento que o novo aluno necessita.

Ao se deparar com um ambiente social fora do seu universo familiar, a criança gradativamente adquire autonomia. Ela se percebe independente da mãe e detentora de vontades próprias.

A ausência de um responsável durante a aula permite que a criança crie um vínculo afetivo com o professor, buscando nele o conforto e o colo quando necessário.

Desta forma, à medida que a confiança neste professor aumenta, o aluno passa a corresponder aos desafios propostos por ele e consequentemente aprende o que está sendo ensinado.

Caso haja outro adulto na sala de aula cuja relação afetiva da criança seja mais forte do que com o professor (como no caso de mães, parentes ou babás), ao invés de confiar no professor para auxiliá-lo durante uma atividade fora da sua zona de conforto, o aluno tende  a solicitar o colo deste adulto.

Esta solicitação pode se manifestar pelo olhar, pela recusa em realizar a atividade ou pelo choro.

Sabemos algumas mães têm dificuldade de se separar de um filho e vontade de acompanhar de perto a aula que está acontecendo.

Mas é importante ressaltar que ao deixar a sala de aula e entregar a criança aos cuidados do professor, a seguinte mensagem está sendo percebida pela criança:“Fique tranquila. Este ambiente é confiável o bastante para você”.

Este é um passo importantíssimo para o sucesso do nosso trabalho pedagógico!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here