MOTIVAÇÃO: como manter a disciplina nos seu treinos?

O mundo está cheio de prazeres e nem sempre é fácil encontrar a motivação para sair de casa para o treino do dia. A boa notícia é que existem alguns truques para lhe dar aquela força que está faltando.

Conversamos com Cacá Ferreira, Gerente Técnico da Cia Athletica e mestre motivacional, para explicar melhor como funciona este aspecto nos treinos.

Desanimado com a academia? O cansaço do trabalho está comprometendo seus treinos? Já não encontra mais incentivos para continuar?

Não se entregue! Lave o rosto, prepare um cafezinho, leia as dicas a seguir e se prepare para sair de casa para treinar agora mesmo:

Manter sempre o mesmo horário

A rotina é uma excelente maneira do corpo e da mente “entenderem” que você precisa treinar. Se for possível, é interessante sempre manter os treinos mais ou menos no mesmo horário, seja qual for.

O ritual da rotina faz com que, no médio prazo, o corpo já esteja preparado para treinar numa determinada faixa de horário, fazendo com que seja mais fácil encontrar a disciplina.

Mas isso não pode ser uma desculpa para quem não pode manter uma rotina de treinos sempre na mesma hora. Nesse caso, treine a hora que puder!

Treinando com parceiros

Ter alguém mais ou menos no mesmo nível que o seu pode ser um grande fator motivacional.

Um parceiro de treino – além de ser uma companhia para conversas entre os exercícios e uma fonte para troca de ideias sobre saúde e boa forma – pode ajudar quando lhe faltar incentivo. Da mesma forma, você não vai deixá-lo ficar na cama no dia em que ele não estiver tão disposto quanto você.

“Se tem desânimo, ou quando estiver no limite, um colega de treino dá aquela força para aguentar até o fim e se superar. É fundamental! Comece a praticar uma atividade física com mais colegas de trabalho, os resultados serão mais expressivos e o tempo passará mais rápido,” é a dica de ouro do Cacá.

Agendar os dias de treino

Faça dos treinos uma parte inegociável do seu dia. Marque na agenda como se fosse um compromisso de trabalho.

Para isso, use a agenda física, celular ou tablet e agende seus treinos com alguns dias de antecedência. Se surgir algum compromisso muito importante, reagende imediatamente o treino para outro dia ou horário.

Mude de treino de tempos em tempos

Nós falamos sobre a importância de manter a rotina, mas fazer as mesmas aulas e os mesmos exercícios de musculação pode ser bastante enjoativo.

Além disso, depois de alguns meses fazendo o mesmo exercício o corpo “se acostuma” e os resultados não são tão bons como antes. Por isso é sempre importante renovar a série.

Motivação e novidade

Do ponto de vista motivacional, uma série de musculação nova é um desafio. Da mesma forma, mudar uma aula de, digamos, spinning por uma de running, pode ser o que você precisa para sair da monotonia e não perder a motivação.

Tenha um objetivo

Vai começar a treinar? Estabeleça um objetivo! Já treina mas não estabeleceu ainda?

Então está correndo o risco de perder a motivação. Seja reduzir para determinada numeração de roupa, perder 10 quilos, ou correr uma maratona, “estabelecer um objetivo dará sentido ao esforço a ser realizado durante o percurso,” completa Cacá.

Acompanhe os resultados

Encontrar alguma forma de acompanhar os resultados é a melhor de todas as formas de se manter motivado. As melhoras físicas virão, mas muitas vezes acabamos não percebendo, já que são graduais.

As melhores academias  marcam avaliações periódicas. Elas são uma excelente maneira de ver seu progresso.

Uma maneira simples e bastante eficiente é se fotografar com trajes de banho no final de toda a semana. Assim você vai identificar a evolução e não vai desistir de treinar, buscando melhorar ainda mais.

Não exagere no começo

Essa vale mais para os iniciantes, mas também para aqueles que estavam parados e decidem voltar. Na empolgação do início, você pode acabar exagerando, fazendo séries muito longas ou várias aulas diferentes (running, spinning, boxe, etc.), o que pode levar tanto a uma lesão como ao desgaste do overtraining.

Se você não der tempo para o corpo se recuperar vai ficar cansado e sem energia, o que pode matar a motivação.

É melhor ir devagar até acostumar o corpo a um ritmo mais intenso.

Manter a motivação não é fácil, por isso muitas pessoas acabam desistindo da prática de atividades físicas, abrindo mão também da boa saúde.  Mas não deixe a bruxa do desânimo entrar pela janela!

Leia as dicas acima, levante-se e venha para a Cia Athletica treinar com a gente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here