Eletroestimulação muscular na terceira idade: este tipo de exercício é seguro?

O exercício com eletroestimulação muscular na terceira idade é seguro, acessível e fácil de seguir para os idosos. Ele combate os efeitos do envelhecimento sobre a sua condição física.

Em comparação com o exercício vigoroso, a prática desta atividade moderada é mais fácil para promover. Ela reduz claramente o risco de lesão entre os idosos.

Os resultados do treinamento de EMS para idosos podem ser conferidos em dois estudos científicos realizados na Alemanha:

Eletroestimulação muscular na terceira idade

Sarcopenia e obesidade (abdominal) em idosos estão em estreita relação com a mortalidade, morbidade e fragilidade.

Na University of Erlangen-Nuremberg, a eletroestimulação muscular de corpo inteiro (WB-EMS) foi usada em um estudo.

A influência sobre a composição corporal e fatores de risco cardíaco em um grupo de 28 idosos com síndrome metabólica foi verificada.

Para esta investigação foram escolhidos parâmetros da gordura corporal abdominal e alguns parâmetros que identificam a síndrome metabólica :

  • circunferência da cintura,
  • glicemia,
  • triglicerídeos,
  • HDL-colesterol,
  • pressão arterial sistólica e diastólica.

Os indivíduos do grupo WB-EMS realizaram um programa de treinamento de força e resistência de 30 minutos com EMS todo quinto dia durante 14 semanas.

Resultados científicos

O treinamento EMS para todo o corpo  foi feito com um menor volume de treinamento (cerca de 24 minutos / semana) e um período de treinamento de curta duração (14 semanas).

Efeitos significativos sobre a composição corporal de idosos foram relatados: houve redução da circunferência abdominal e a gordura corporal total diminuiu.

A eletroestimulação muscular  pode oferecer uma alternativa promissora para programas de treinamento convencionais para o treinamento de pessoas com menor capacidade cardíaca e ortopédica.

Fonte: A influência de um treinamento adjuvante EMS na composição corporal e fatores de risco cardíaco em homens idosos com síndrome metabólica.

(KEMMLER, W. / BIRLAUF, A. / VON STENGEL, S., University of Erlangen-Nuremberg 2009).

Ganho de massa muscular através da eletroestimulação muscular em idosos

Um dos principais efeitos da idade é a perda progressiva de massa muscular e força nos membros inferiores.

As consequências funcionais disso são importantes para atividades diárias dos idosos,porque reduzem a sua independência e aumentam o risco de quedas e internações.

Para melhorar essas condições físicas na idade adulta, uma equipe de pesquisadores em Fisioterapia na University Ceu Cardenal Herrera, dez um estudo.

A equipe avaliou os efeitos do exercício físico de baixa intensidade, que combina a EMS com contrações voluntárias.

O estudo foi realizado durante quatro meses com um grupo de 89 idosos entre 75 e 96 anos em lares de idosos. Todos tinham capacidade para realizar atividades diárias de forma independente.

Divididos em três grupos, realizaram vários tipos de exercícios de extensão do joelho de baixa intensidade: o primeiro grupo, por contração muscular voluntária; o segundo com EMS e o terceiro, por meio da combinação de ambos.

Resultados do estudo

As avaliações foram efetuadas para os três grupos por ecografia.

Os primeiros dois grupos (apenas um tipo de exercício), relataram uma melhoria da massa muscular (16% e 30% respectivamente).

O grupo que combinou os exercícios voluntários com EMS obteve um aumento de massa muscular no reto anterior da coxa de 42%.

Também melhorou significativamente a sua mobilidade global relativamente aos outros grupos musculares.

Os melhores resultados foram no grupo que combinou os exercícios voluntários de baixa intensidade com EMS.

Este  grupo de idosos foi o que obteve os melhores resultados na sua aptidão física e capacidade para realizar de forma independente as atividades do cotidiano.

Fonte: Efeito do exercício físico de baixa intensidade combinado com EMS em pessoas com mais de 75 anos.

(VICENT BENAVENT CABALLE/ PEDRO ROSADO/ EVA SEGURA/ JUAN JOSÉ AMER/ JUAN FRANCISCO LISÓN/ University Ceu Cardenal Herrera Valencia October 2008).

 

Eletroestimulação muscular na terceira idade.
Eletroestimulação muscular na terceira idade.

A Cia Athletica da unidade MorumbiShopping opera um estúdio em parceria com a XBody e em breve várias outras unidades da rede também irão oferecer este tipo de treinamento.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here