Diabetes: não é só açúcar, veja mais.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, aproximadamente 250 milhões de pessoas no mundo inteiro possuem diabetes, e esse número alarmante não para de crescer, fazendo com que o problema seja tratado pela OMS como epidemia.

Só para se ter uma ideia, a cada ano sete milhões de diabéticos passam a integrar essa lista e só no Brasil, há cerca de 12 milhões de pessoas diagnosticadas com a doença.

Alguns mitos cercam o assunto e a visão da Diabetes acaba sendo distorcida por muitos, atrapalhando não só o diagnóstico, como também a prevenção do problema.

Uma das principais (e mais comuns) mentiras em torno da Diabetes é que o açúcar seria o maior causador da doença.

A seguir você confere porque isso é uma inverdade, mas antes, veja algumas informações importantes sobre essa disfunção.

O que é diabetes?

A Diabetes Mellitus, popularmente conhecida como Diabetes, é uma doença do sistema metabólico da glicose.

O problema é causado pela ausência ou má absorção da insulina, hormônio que é fabricado pelo pâncreas e cuja principal função é a quebra das moléculas de glicose a fim de  transformá-las em energia.

A falta total ou parcial desse hormônio afeta não apenas a queima do açúcar, como também a sua transformação em outras substâncias, como por exemplo, as proteínas, gordura e músculos.

Vale destacar que a Diabetes não se configura como uma doença única, mas sim como um conjunto de outras doenças, com um característica específica em comum: a alta concentração de glicose no sangue.

Quais são as causas?

Vários fatores podem influenciar no surgimento da Diabetes, dentre eles:

  • a obesidade,
  • a hereditariedade,
  • o sedentarismo,
  • a hipertensão,
  • os altos níveis de triglicérides,
  • medicamentos à base de cortisona,
  • a taxa elevada de colesterol,
  • a idade acima de 40 anos
  • o estresse emocional.
Diabetes: atividades físicas ajudam a evitar!
Diabetes: atividades físicas ajudam a evitar!

Além do açúcar

Não que os doces sejam alimentos saudáveis, mas as causas da doença estão ligadas a múltiplos aspectos, que não os açúcares diretamente.

Na verdade, comer muitas guloseimas e ingerir açúcar em excesso pode causar o aumento de peso e futuramente a obesidade. Esse problema sim é uma das principais causas da Diabetes tipo 2.

Nessa categoria, as calorias contidas nos doces, batatas, bolos e bebidas açucarados podem sim aumentar o risco de tornar a pessoa obesa e, posteriormente diabética.

Além disso, a própria predisposição genética e a ausência de exercícios regulares podem aumentar consideravelmente as chances do indivíduo desenvolver a doença.

Dicas para prevenir e tratar  Diabetes

  • O acompanhamento médico e nutricional é imprescindível para quem deseja se prevenir ou já foi diagnosticado com o problema.
  • Procure seguir uma dieta saudável e equilibrada, afinal, a alimentação auxilia no controle dos níveis de açúcar no sangue.
  • Adote a prática regular de exercícios, pois ela ajuda no combate à obesidade.
  • Controle a pressão arterial e os níveis de triglicérides e colesterol com regularidade;
  • Não se automedique e tome cuidado com os medicamentos à base de cortisona.

No mais, o diagnóstico precoce é a medida mais eficaz para obter sucesso no tratamento de diabetes.

Portanto, diante de qualquer sintoma como muita fome, sede, cicatrização lenta ou excesso de urina, procure ajuda médica imediatamente.

Até a próxima!

 

6 COMENTÁRIOS

  1. Mas se nunca tive açucar glicose como queiram chamar, nem na família houve historial nem eu tive ,porquê ter de estar 2 horas de espera para completar análise, o que leva entidade médica a pedir a mesma?
    Espero resposta pois creio ser útil para eu saber. Obrigada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here